domingo, 5 de julho de 2009

Poema para Sabrina

Tez
tônica
tato, toque
em rima
maciez
carícias, olhares
prazeres, delírios
nudez

Nuvem
afã
desejo de hoje
se vê no amanhã
Sonho!

Ponta, cascalho
fere sentimento
é gota de orvalho
escorre, esvai
rosto umedece
uma lágrima cai

Medo, ensejo
olhar carinhoso
vontade, desejo
um nó na garganta
começa o enredo
gosto, gostar
pequeno, mas forte
princípio de amar

Nuvem
se vai
visão céu aberto
estrela a brilhar
lágrima escorre
é o medo que sai
- Vontade louca
de te beijar!

22/04/86

Só para constar: este é um dos poemas que vai virar
música, num CD que está sendo montado em parceria
com um amigo!

27 comentários:

Menina Robô disse...

Ai q lindo,
amei...
já me apaixonei pela letra.

Beijos Saudosos de vc...

EU SOU NEGUINHA disse...

Flá...
Seus peomas,agora musicados,vão ficar lindos...tanta sensibilidade que arrepia a pele aqui...adorei..
Beijos da Nega

A Senhora disse...

Oba!!! :))

beijinhos

Branca disse...

Lindo poema que certamente resultará em linda música!
Coloca depois aqui pra gente ouvir!

Uma semana de muitas alegrias é o que desejo a vc...bjo carinhoso.

Letícia disse...

E já faz um século que não te leio... e tem até letra de música.

Desculpa a ausência, Monday. Ainda bem que sempre é tempo.

Bjos. =)

Moni disse...

q bacana esse poema... e esse projeto de cd tbm .. amei! queremos uma canja depois rs.. beijos

Monday disse...

Ka

A música é em ritmo de mpb, e pelo comentário de quem já ouviu, parece que ficou legal. Eu gostei ... rsss

Pena que anda tudo meio corrido por aqui, estou pelo menos tentando não deixar o blog estagnado.

Mas até o final de semana eu pretendo visitar todo mundo e tirar o atraso!

Bjks

Monday disse...

Nanda

A Sabrina é a irmã mais nova da Tata, que estudou comigo na faculdade. A Tata é professora de música, hoje, depois de ter largado a engenharia e tomado o rumo certo na vida.

Tá, eu confesso, eu paquerei a irmãzinha dela ... rsss. Mas nunca passamos de bons amigos. Ela ganhou um poema e eu, como adorava o nome dela, batizei minha filha mais velha de Sabrina também.

Tem um poema em postagens antigas no blog chamado Sabrina, é o que eu fiz pra Sa quando ela nasceu. Também estará no CD.

Quando eu e o Márcio, meu parceiro, terminarmos a montagem, eu coloco uma playlist aqui no blog para vocês.

Os blues e rocks eu canto, as demais músicas, devem ficar na voz da Tata, que é profissa e manda muito bem ... rsss

Monday disse...

Mi

é, meu amor, o moleque inquieto agora resolveu atacar na música ... kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Branquinha

a idéia é essa mesma ... prometo caprichar para não doer o ouvido de ninguém por aqui ... rsss

ah, só uma coisa: o CD tem músicas românticas, mas tem muita coisa de moleque também ... rsss

Monday disse...

Le

Se for assim, estamos quites ... rsss

O que eu mais sinto falta nesses tempos de ausência é que acabo ficando longe de pessoas por quem me afeiçoei através de coments e posts.

E, você bem sabe, és uma das minha leituras favoritas ... volto lá uma hora dessas!

Monday disse...

Mo

vou revelar um segredo: eu odeio canjas e sopas ... rsss

mas esse tipo de canja, se tiver chance, será um prazer!

Charlotte disse...

tudo aí soa bem com sabrina...

sorte a dela...

beijos

Stella disse...

No final das contas são só palavras soltas que precisavam terminar com um beijo, né? :)

Obrigada pelo comentário lá no blog.
:*

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Rabiscando disse...

Tenho certeza q vai se transformar em uma linda música.
Depois colocar aqui,gostaria muito de ouvir.

1 beijo!

Ava disse...

Moço do Chapéu...rs

A gente sempre pensa que acaba, mas fica esse4 gostinho de inacabado..rs

"...começa o enredo
gosto, gostar
pequeno, mas forte
princípio de amar..."

Achgo que preciso desse principio de amar...

Começar de novo... Esquecer o inacabado...

Mas nem sempre conseguimos dominar os sentimentos...

A gente até tenta... mas... rsrsrs


Beijos e carinhos!!!

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

Flávio,

E se eu contar que você é o nosso poeta preferido, não vai contar pra ninguém, não?...rs. Dá pra sentir o seu querer bem pela gente de longe e essa troca não poderia ser diferente. Você é aquele amigo que tem cadeira cativa na vida e no coração.

Vai virar música? Parabéns, poeta! Você é um artista nato.

Quinta de luz!

Rebeca

-

Mahria disse...

"Oh eu queria tanto ser a Sabrina" (fala de um personagem invejoso do Zorra Total) rsss. Brincadeira viu, inveja boa a minha, se eh q existe inveja boa.

Quanto vc citou seus oito desejos... Fiquei com vergonha dos meus, tao simpleszinhos rsss. Mais aqla sou eu mesma, e aqles sao os desejos de uma pessoa simples de habitos simples, eu.

Bjs meu anjo
Obrigada pela atençao q sempre me dispensa

Monday disse...

Charlotte

Sabrina é um nome muito bonito ... sempre gostei ... é nome de bruxinha ... rsss

Stellinha

O beijo não aconteceu (para tristeza das leitoras românticas ... rsss), mas as boas recordações sempre permanecem.

A Sabrina do poema hoje é mãe de dois filhos e muuuuuito família. Embora distantes, continuamos bons amigos, como sempre fomos.

Monday disse...

Rabiscando

A música já está pronta e tem uma gravação prévia, em fita K7 (lembra disso? (rsss)

Ficou bonita, mas quando estiver com todos os arranjos prontos e finalizados, aí acho que vai ficar boa mesmo.

Quando tiver tudo em ordem, eu vou ver como montar os arquivos para colocar essa e as outras aqui no blog.

E, como disse o Márcio, meu parceiro musical, vamos ter que criar um myspace da vida ... aí, fica mais fácil, com certeza!

Monday disse...

Avinha

o que eu aprendi na vida ao longo dos anos, em "relação aos relacionamentos", é que eles têm vida própria e nós que, muitas vezes, não aprendemos como isso funciona.

a gente briga com o que sente, porque sentimentos vêm naturalmente e nem sempre são os que queremos, nem sempre em relação às pessoas que gostaríamos de ter.

deixe sua mente livre, enxergue além das paixões e gostares que ainda moram em você, há espaço pra muito sentimento em nossos corações.

um amor não é maior ou menor que o outro, mas a presença mais constante de um ser amado acaba por ofuscar o que outrora se instalara em seu coração.

e assim a vida vai, de gostar em gostar, apagando as lágrimas e trazendo os sorrisos de volta ...

Monday disse...

Rebs and Jota

Eu não consigo ficar sem rir quando leio as histórias de vocês, ainda mais que fico imaginando as cenas novelescas ... rsss

Toda forma de amor é válida e a gente precisa aprender que não é só a nossa que deve prevalecer ou ser considerada o ponto de referência.

Eu já aprendi isso há muitos anos e te garanto que a vida ficou bem mais simples e com muito menos neuras (e olha que eu tinha bem poucas, somente!).

Eu venho menos aqui e nos demais blogs ultimamente, mas é sempre uma sala de encontro que traz bons momentos, rever amigas e amigos, passar um tempo bom, ler textos literariamente ótimos, ler textos simples das pessoas que gostamos, para conhecê-las melhor e saber como estão.

Eu digo há muito tempo que não tenho do que reclamar da vida e só pelo número de amigos que apareceram nela, já vale muito a pena.

E, se além de tudo isso, puder levar algo de bom aos olhos alheios, por que não fazê-lo?

Monday disse...

Ma

desejos são, normalmente, a tradução das nossas vontades que esperamos realizar.

todos são simples, apenas alguns são mais difíceis de alcançar ... rsss

mais importante é o que você falou: são os seus desejos, vindos de Você!

duro é quem vive desejando as vontades dos outros ... rsss

Moni disse...

olá.. passando pra desejar um lindo fds! beijos

iaiá disse...

sócio,
to com saudade de falar besteira! rsss

mas fui lendo, achando lindo, gostoso, sonoro e pensei ..dava música, num é que deu?

bj

Ava disse...

Moço... moço...

Que gosatoso ler suas palavras...

Vontade de pegá-las e colocar numa caixinha e levar para mim... E claro, guardá-las naquela gaveta cheias de recordações que a gente vai juntando vida afora...

Preciso realmente colocar em prótica seus conselhos... sei que preciso...

Obrigada por seu carinho...
Por sua sensibilidade, por ser assim, tão generoso em suas palavras...

Um terno e carinhoso beijo...

Charlotte disse...

Sugiro que assista então Jules et Jim para descobrir como terminou aquela foto...

hehe...

beijos!